domingo, 30 de abril de 2017

Profecias indicam como iminente a vinda dos extraterrestres !

Dentre os grandes mistérios com os quais o homem tem se ocupado, dois têm recebido cada vez mais atenção das pessoas que se dedicam a estudar o fantástico e o inexplicado: a natureza das profecias e a existência de extraterrestres. Na verdade, há várias correlações entre esses dois assuntos. Ambos parecem estar intrinsecamente ligados a possíveis grandes mudanças que o planeta poderá enfrentar nos próximos anos - as profecias prevendo-as, e os extraterrestres fazendo parte delas.
Efetivamente, entre os principais acontecimentos listados nas profecias está o contato público e definitivo da Humanidade com extraterrestres, mostrando a grande interatividade que existe entre os dois temas.
Muitos são atualmente os videntes, canais e sensitivos que anunciam a proximidade de nossa comunicação face a face com alienígenas. Isso vem ao encontro das expectativas criadas nos meios ufológicos nos últimos anos, devido ao aumento das observações e a alteração do comportamento das naves, que estão gradualmente deixando de se esconder.
As pessoas que atuam como canais parecem estar em contato com dezenas de civilizações diferentes, muitas vezes repassando informações conflitantes entre si. Boa parte desses dados supostamente transmitidas por seres extraterrestres e interdimensionais relaciona-se a previsões para o futuro. Mas o inverso, ou seja, profecias citando Ets, vêm de bem mais longe. Há muitas alusões a um tempo de grandes tribulações como nunca houve antes, e em meio a enormes catástrofes e transformações tanto geofísicas quanto socioeconômicas, o aparecimento de seres vindos do cosmos.
Nesse estudo, vamos adotar como critério, abordar essas citações por ordem cronológica, começando pela Bíblia. No livro das Revelações, o Apocalipse, entre tantas passagens obscuras, temos uma intrigante: o surgimento dos "gafanhotos". No capítulo 9, o da quinta trombeta, lemos, nos versículos 3 a 6:

"E da fumaça saíram gafanhotos pela terra, dotados de um poder semelhante ao dos escorpiões da terra. Disseram-lhes, porém, que não danificassem a vegetação da terra, nem o que estivesse verde e as árvores, mas somente os homens que não tivessem o selo de Deus sobre a fronte. Foi-lhes dada a permissão, não de matá-los, mas de atormentá-los durante cinco meses com um tormento semelhante ao do escorpião quando fere um homem. Naqueles dias, os homens procurarão a morte, mas não a encontrarão, desejarão morrer, mas a morte fugirá deles".

Sem dúvida, trata-se de um quadro obscuro. Mas vamos tecer considerações. Obviamente, João não fala de simples insetos, já que estes "gafanhotos" estão armados e saem de dentro da terra (veja o capítulo inteiro, nas Escrituras). Logo, trata-se de algum tipo de ser desconhecido na época do evangelista, que usou os termos mais próximos de que dispunha para descrever o que foi-lhe mostrado. Além disso, as tais entidades atacam apenas seres humanos, justamente os que não possuem a proteção divina devido à sua falta de fé.
A hipótese que levantamos é a de que João viu a ação de extraterrestres nocivos em nosso planeta. Devemos aqui recordar as terríveis mutilações de gado feitas por alienígenas durante décadas e até hoje, para coleta de material biológico para experiências genéticas (e alimentação em alguns casos, segundo algumas denúncias mais paranóicas). Note-se a semelhança entre as descrições de certos Ets com as cabeças do louva-a-deus e do gafanhoto.
Ora, sentindo a aproximação da transmutação do planeta e da Humanidade, certos extraterrestres caídos podem finalmente sair de seus esconderijos subterrâneos para fazer uma verdadeira pilhagem biológica, antes de retirar-se do planeta. É por isso que não atacam os vegetais; não lhes interessam. E como fariam isso? Autópsias feitas em alguns animais mutilados sugerem que os tecidos e órgãos podem ter sido retirados com eles ainda vivos. O mesmo parece ter ocorrido no famigerado "Caso Guarapiranga", com um ser humano. Ao que tudo indica, esses alienígenas mantêm a vítima viva, paralisada e talvez consciente enquanto a mutilam, quem sabe para obter "material" de maior qualidade ou captar algum tipo de energia vital. Isso explicará o porque "homens desejarão morrer e não conseguirão".
Vamos nos abster aqui de comentar outros trechos famosos da Bíblia, como aquele em que Elias vê, segundo muitos, uma nave - mas que mais provavelmente era um merkabah, um veículo de luz usado por seres superiores, e não simples extraterrestres.
Excetuando-se os bíblicos, o mais famoso e importante profeta conhecido foi Nostradamus. Em suas Centúrias, Presságios e Sextilhas, ele menciona muitas vezes fenômenos astronômicos, e em alguns casos aparentemente cita extraterrestres. Dada a natureza particularmente misteriosa de seus escritos, é possível que haja várias passagens relativas a Ets, sem que as percebamos. Outro problema é a enorme discrepância entre as traduções e interpretações dos diferentes exegetas. Mas, a despeito disso, vejamos o que diz o "Presságio 52", um dos mais célebres, conforme Renzo Baschera:

"Quando o grande cometa aparecer, o Governo cairá,

Fome, doenças, fogo e sangue inundarão o Ocidente;

Fim das riquezas, tudo será provocado pela vinda

De sediosos carecas de pele iluminada".

A quadra dispensa comentários. A primeira coisa que nos vêm à mente quanto aos tais "carecas" é que podem tratar-se de extraterrestres. A quadra 72 da Centúria X é mais conhecida ainda, principalmente pelos primeiros versos: "Em 1999, sétimo mês, do céu virá um grande rei de Terror". Há quem diga que esse rei venha a ser o líder de uma invasão alienígena; mas pode tratar-se também, talvez até mais provavelmente, de um asteróide ou cometa em rota de colisão com a Terra.
Já em nosso século, temos que destacar as previsões do papa João XXIII, escritas provavelmente em 1935, quando ele ainda era legado apostólico na Turquia e na Grécia. Surpreendentemente claras, elas foram em parte reveladas ao mundo no livro "As Profecias do Papa João XXIII", de Pier Carpi. Na página 160 da tradução brasileira, lemos: "Sempre mais numerosos os sinais. As luzes no céu serão vermelhas, azuis e verdes; velozes, crescerão. Alguém vem de longe, deseja encontrar os homens da terra. Encontros já ocorreram. Mas quem viu verdadeiramente se calou".
Que dizer?... O significado é nítido. As palavras adiantam o que vemos hoje em dia: aumento na casuística ufológica; a forte sensação de que o contato está próximo; e o fato de que no passado alguns governos foram procurados por extraterrestres, escondendo isso da população.
Em janeiro de 1973, o jovem professor universitário norte-americano James J. Hurtak foi envolto num manto de luz e levado aos céus superiores, onde recebeu os ensinamentos que foram transcritos na incrível obra "O Livro do Conhecimento: As Chaves de Enoch". O livro traz uma quantidade perturbadora de informações muito avançadas e inéditas, tanto espirituais quanto científicas, além de profecias. Dada a pluralidade dos mundos, dimensões e universos habitados, boa parte da obra fala de seres extraterrestres e ultraterrestres, estes mais avançados.
Na Chave 3-0-8, página 419 da edição brasileira, lê-se: "E sobrevirá uma grande guerra e os exércitos dos ‘Triunfadores Finais’ lançarão os seres teratóides nas regiões dos céus inferiores e sobre os planetas, como punição. A humanidade terá então de escolher entre os que trazem uma escritura à Terra com bases em substâncias velhas e contaminadas e os que trazem as escrituras de Sabedoria que proclamam um pluralismo de mundos por meio da perfeição de tudo que for possível em Nome de YHWH!".
Na Chave 3-0-9, páginas 427 e 428: "Os eventos associados com a aterrissagem dos biossatélites negativos e a guerra entre as inteligências espaciais ‘não-Adâmicas’ e as Irmandades que usam biossatélites positivos, sob o controle de Michael, serão precedidos por indicadores astronômicos. Serão vistos esquadrões de veículos pairando sobre as importantes cidades do mundo, motivando a humanidade a buscar respostas espirituais para a vida. As comunicações gerais em todo o planeta serão interrompidas". Os biossatélites são gigantescas naves com até oitenta quilômetros de comprimento, usadas em evacuações de planetas, e capazes de reproduzir ecossistemas inteiros.
Mais direto ainda o seguinte trecho da página 549, Chave 3-1-9: "Depois disso, vi como o Homem foi preparado para a aterrissagem física de uma delegação de seres interplanetários que explicaram como o Homem violou a Lei Cósmica e tinha necessidade de uma redefinição da Vida. A delegação de seres interplanetários permaneceu sobre a Terra somente por um curto período temporal e depois deixou os milhões e milhões de pessoas que, ou se admiraram das maravilhas de outros mundos de inteligência, ou se ressentiram e se desestruturaram por causa do proclamado regresso de Michael e Cristo".
As Chaves são claras, portanto: em breve receberemos uma delegação alienígena que nos advertirá de nossos erros e confirmará o retorno de Cristo; depois, extraterrestres negativos surgirão publicamente sobre todo o planeta, oferecendo uma falsa "salvação". Eles serão combatidos pelas forças de Luz, as quais serão atacadas por militares terráqueos.
Ainda podemos citar as mensagens de Maria, mãe de Jesus, através de muitas pessoas espalhadas pelo mundo. No livro Mensagens de Maria para o Mundo, de Annie Kirkwood, há várias menções a extraterrestres, como nas páginas 27 e 28: "Haverá um aumento na atividade dos ÓVNIs (...) Luzes estranhas virão do espaço, como jamais se viu na Terra". Em outro trecho, na página 32: "Além disso, as civilizações que habitam outros planetas aparecerão em grande número. Cada vez mais pessoas os verão, e autoridades de elevado escalão os fotografarão". Na 37: "Nos últimos cinco anos, os ÓVNIs serão vistos quase diariamente. Eles virão em grande número e tentarão fazer com que os governos da terra entendam que estão vindo em paz. Estabelecerão estações em áreas do planeta pouco habitadas. Existem poucas regiões apropriadas, mas eles estabelecerão subestações nas montanhas e em algumas regiões desertas. Em outros planetas próximos à Terra, já existem estações que têm sido preparadas e abastecidas para a chegada dos homens. Nos últimos dias, elas acolherão muitas pessoas e garantirão sua sobrevivência".
Por fim, na página 39: "Será nesses anos (após grandes fatalidades) que alguns dos alienígenas aparecerão repentinamente aos seus líderes mundiais e oferecerão ajuda. (...) Com uma nova atitude, os seus líderes mundiais estarão preparados para ser informados sobre as providências que salvarão as populações e sobre a futura mudança de orientação da Terra. Os extraterrestres, como vocês os denominam, prestarão valiosa ajuda, mas seus líderes não revelarão essas negociações".
Como o leitor pôde notar, são fartas nas profecias as citações do grande momento em que finalmente será levantada a quarentena que isola nosso planeta há milênios das outras civilizações. O contato será feito tanto com Ets negativos ou caídos, que procurarão nos enganar, quanto com positivos que virão em nome das Hierarquias superiores nos socorrer, durante as grandes tribulações que se aproximam. A cada um de nós caberá saber discernir a que lado ligar-se, decisão que resultará na sobrevivência ou não às transformações do planeta e à segunda morte.
 
Fonte: http://www.extraterrestreonline.com.br/

Roberte Deans e Clifford Stone afirmam que o nosso futuro é viver junto a uma comunidade galáctica !

Neste vídeo podemos revelar aspectos incríveis sobre contatos com alienígenas, raças que se infiltraram entre nós e o futuro da humanidade, todos expostos pelos militares dos EUA Robert Dean e Clifford Stone.

Visitação EXTRATERRESTRE confirmada pelo Sargento do Exército Americano: Clifford Stone
Dois denunciantes muito importantes que trabalharam com seres extraterrestres e tecnologia alienígena.Vou atualizar o acidente alienígena no Novo México depois de já ter recebido mais informações,  esperando por mais fotos e talvez algumas cenas.
Veja este incrível vídeo onde o Sargento do Exercito Americano Clifford Stone relata sobre alienígenas e UFOs em constante contato com seres humanos
Robert Dean: "A Humanidade Deve se Preparar para um Contato em Massa com Extraterrestres"
Robert O. Dean é um ex-oficial do Exército dos EUA, tem 84 anos e vive no Arizona, onde dedicou-se à meditação ea prática da visão remota (também conhecido como "visão remota", NDH). Ele também experimentou em várias ocasiões e modos, eventos de saída fora do corpo em um estado de projeção consciente.
 
Fonte: http://ufosonline.blogspot.pt/

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Sinais misteriosos podem mesmo ser prova de vida extraterrestre !

Cientistas colocam a hipótese séria de pulsos de energia detetados serem criados por uma avançada tecnologia alienígena
Cientistas de Harvard acreditam que misteriosos sinais de energia que têm chegado à Terra podem ser uma prova da existência de extraterrestres que não está a ser analisada corretamente. As Fast Radio Burst (FRB), como ficaram conhecidas estes "pulsos" energéticos, têm levantado várias questões e teorias dentro da comunidade científica desde que foram detetadas pela primeira vez, em 2007.
Avi Loeb, do Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics, diz que estes sinais podem estar a ser criados por uma avançada tecnologia alienígena - como um transmissor tão potente que sirva de propulsor para naves espaciais.
Os cientistas colocam a hipótese das FRB serem originadas para impulsionar naves que utilizam as ondas de luz da mesma forma que os barcos à vela utilizam o vento para se moverem no oceano, segundo o Independent. Sugundo os cálculos dos cientistas, a energia gerada é potente o suficiente para mover algo que pese milhões de toneladas.

"Isso é o suficiente para transportar passageiros vivos por distâncias intergalácticas", disse Manasvi Linga, também de Harvard. Desde 2007, foram registadas pelo menos 17 FRB.

"As FRB são extremamente brilhantes dada a sua pouca duração e origem a grandes distâncias e nós ainda não identificámos com confiança uma possível fonte natural", disse Loeb. "Vale a pena considerar e investigar uma origem artificial".

Num artigo que será publicado na revista científica Astrophysical Journal Letters, mas que já foi disponibilizado na internet pela biblioteca da Universidade Cornell, os professores Avi Loeb e Manasvi Lingam defendem que as FRB podem ter sido mal interpretadas até agora.
Os dois cientistas acreditam que com o equipamento certo conseguiriam descobrir mais sobre este fenómeno.
Caso se confirme tratar-se de sinais de seres extraterrestres, tratae-se-á de uma civilização muito mais avançada do que a nossa. Os cientistas estimam que um emissor capaz de gerar os sinais que estamos a captar ocuparia uma área duas vezes maior do que a superfície da Terra -- para conseguir captar energia solar suficiente para tão potentes impulsos. Além disso, a máquina precisaria de ser arrefecida, com muita água, para não derreter.
Loeb explica que estas teorias precisam de ser aprofundadas e garante que, para tal, não importa se ele acredita ou não em extraterrestre.

"Ciência não é uma questão de crença, é uma questão de prova", disse o professor. "Decidir o que está provavelmente à frente do tempo limita as possibilidades. Vale a pena colocar as ideias cá fora e deixar os dados serem os juízes".

Um vídeo feito por uma equipa internacional explica como as FRB são captadas.

Fonte: http://www.dn.pt/sociedade/interior/sinais-misteriosos-podem-mesmo-ser-prova-de-vida-extraterrestre-5717126.html

A Elite prepara falsa invasão extraterrestre !


Fonte: http://jsomokovitz.blogspot.pt/

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Alerta máximo ! Frota de guerra dos EUA dentro da escala de ação ! Ameaça à Segurança Nacional - Movendo mísseis para o Hawaí neste momento !!!

Os EUA devem enviar mísseis para o Havaí para se protegerem contra um ataque nuclear norte-coreano, alertou um comandante.O almirante Harry Harris - comandante do Pacífico americano - disse que os EUA precisam fortalecer suas defesas de mísseis, especialmente no Havaí.

Coréia do Norte actualiza para "URGENTE Ameaça de segurança nacional" EUA prepara acção !

Donald Trump elevou a Coréia do Norte para uma "ameaça de segurança nacional urgente" depois de chamar um Conselho de Guerra.Os EUA e a Coreia do Norte estão à beira da guerra nuclear, com ambas as nações dispostas a recusar provocações.No 85º aniversário da fundação do exército norte-coreano, Kim Jong-un realizou uma terrível manobra de incêndio balístico, onde os tanques simularam soprar o porta-aviões norte-americano Carl Vinson para fora da água.
O chefe da Marinha disse que o Hermit Kingdom está "claramente em posição de ameaçar o Havaí hoje".O sistema anti-míssil THAAD foi implantado na Coréia do Sul e estará pronto "em dias", disse o Almirante Harris.
Os EUA responderam com a realização de sua própria manobra com seus aliados sul-coreanos, e testaram seu próprio ICBM, capaz de dizimar a Coréia do Norte.
Medos foram levantados que o Donald estava a ponto de declarar a guerra no reino comunista após ter convidado uma reunião surpresa completamente no senado sobre o assunto.
Uma "frota de guerra" dos EUA está dentro da "distância impressionante" da Coréia do Norte.
Uma "armada" de navios de guerra americanos - liderada pelo porta-aviões nuclear USS Carl Vinson - está agora dentro do alcance do Reino Hermit. 
Donald Trump enviou o veleiro Carl Vinson, o USS Lake Champlain e os mísseis USS Michael Murphy e USS Wayne E Meyer para impedir que Kim Jong-un testasse uma nova arma nuclear ou míssil balístico. 
 O grupo está agora no Mar das Filipinas, a leste da ilha japonesa de Okinawa - e está dentro de "alcance impressionante" da Coréia do Norte.

Fonte: https://undhorizontenews2.blogspot.pt/

Guerra na Coreia do Norte - Um barril de pólvora pronto a explodir !


Fonte: https://undhorizontenews2.blogspot.pt/

quarta-feira, 26 de abril de 2017

EUA vai testar lançamento do missil balistico intercontinentaal na demonstração de capacidades nucleares !

Os militares dos EUA estão se preparando para testar o lançamento de um míssil balístico intercontinental quarta-feira na Base da Força Aérea Vandenberg, na Califórnia.De acordo com o Comando Global de Combate da Força Aérea, o teste de mísseis Minuteman III desarmado tem como objetivo "validar e verificar a eficácia, prontidão e precisão do sistema de armas".O coronel John Moss, 30o Comandante da Asa Espacial, disse em um comunicado de imprensa que o lançamento - por algum tempo entre 12:01 a.m. e 6:01 a.m. - irá demonstrar as capacidades nucleares do país."Esses lançamentos Minuteman são essenciais para verificar o status de nossa força nuclear nacional e para demonstrar nossas capacidades nucleares nacionais", disse o coronel Moss."Estamos orgulhosos de nossa longa história em parceria com os homens e mulheres do 576th Flight Test Squadron para executar essas missões para a nação".Enquanto o teste vem em meio a crescentes tensões entre os Estados Unidos e a Coréia do Norte, um representante com os Assuntos Públicos do Comando Global de Ataque da Força Aérea confirmou à Infowars que tais lançamentos são realizados regularmente - até quatro por ano - e estão planejados entre três e cinco anos. avançar.O lançamento do teste será o segundo realizado a partir de Vandenberg este ano.O Minuteman III, que pesa 79,432 lbs, atinge velocidades de Mach 23 antes de atingir alvos tão distantes quanto 6.000 milhas.


Fonte: https://undhorizontenews2.blogspot.pt/

Tensões na Coréia do Norte - Porta Aviões dos EUA chega à região e Kim dispara artilharia !


Fonte: https://undhorizontenews2.blogspot.pt/

terça-feira, 25 de abril de 2017

Roleta Nuclear do Leste Asiático - Possível guerra nuclear !

Nove nações têm armas nucleares: América, Rússia, China, Grã-Bretanha, França, Índia, Paquistão, Israel e Coréia do Norte.
Dadas as crescentes tensões mundiais, especialmente na Ásia Oriental, no Oriente Médio e a hostilidade dos EUA em relação a vários países, uma possível guerra nuclear pode ser inevitável, talvez apenas uma questão de tempo.
Em 1982 testemunho perante o Congresso, fundador da marinha nuclear dos Estados Unidos Almirante Hyman Rickover disse
"(T) a lição da história é quando uma guerra começa, cada nação usará finalmente qualquer arma (s) que tem disponível."
"Eu acho que a raça humana vai destruir-se, e é importante que tenhamos o controle dessa horrível força (nuclear) e tentemos eliminá-la". Sua advertência foi ignorada.
Albert Einstein e Bertrand Russell advertiram sobre a mesma coisa, Russell dizendo
"(S) salão nós ponha um fim à raça humana, ou a humanidade renunciará guerra." O risco é aniquilação eventual.
Historiador Arnold Toynbee e HG Wells advertiu sobre o fim das guerras ou eles vão acabar com nós.
A América pretende gastar mais de um trilhão de dólares para modernizar seu arsenal nuclear nos próximos 30 anos - em vez de eliminá-la responsavelmente junto com outras nações para acabar com a ameaça de aniquilação em massa.
Espera-se que uma nova Revisão da Postura Nuclear do Pentágono, que está sendo preparada, enfatize as relações adversárias com a Rússia, Coréia do Norte, Irã e outras nações, aumentando a ameaça de confrontação nuclear.
No domingo, os exercícios navais conjuntos dos EUA e do Japão começaram, uma declaração do Pentágono
"A partir de 23 de abril. Os exercícios são realizados na parte ocidental do Oceano Pacífico."
"O USS Carl Vinson porta-aviões e outros" navios de guerra dos EUA estão envolvidos, juntamente com dois destroyers japoneses.
Em 14 de abril, Trump alertou sobre possível confronto militar com a Coréia do Norte se realizasse mais armas nucleares e testes de mísseis balísticos.
No sábado, a agência de notícias chinesa Xinhua disse que Pyongyang rejeita o diálogo com Washington, desde que seja hostil ao seu governo.
Ele citou um comentário do Partido dos Trabalhadores Coreanos da RPDC, dizendo que Washington
"Revela abertamente sua intenção de não descartar o uso da força militar, incluindo o ataque preventivo unilateral, para não falar de pressão militar e diplomática multilateral e de sanções econômicas de alta intensidade e redesseção de armas nucleares táticas na Coréia do Sul".
Os políticos dos EUA descartaram
"Diálogo com a RPDC. Enquanto isso, os EUA estão pressionando os países ao redor da RPDC a unirem-se a ele para colocar pressão diplomática e sanções econômicas de alta intensidade na RPDC ".
"Ele ameaça mesmo que procure uma maneira independente de impedir a RPDC de reforçar a dissuasão nuclear".
Em 25 de abril, altos diplomatas norte-americanos, japoneses e sul-coreanos discutirão as tensões aumentadas da península coreana em Tóquio - focadas em conter Pyongyang
A guerra na península coreana seria desastrosa. Tudo é possível com os generais neocons responsáveis ​​pelas políticas geopolíticas americanas.
Stephen Lendman mora em Chicago. Ele pode ser alcançado em lendmanstephen@sbcglobal.net.
Seu novo livro como editor e contribuinte é intitulado "Flashpoint na Ucrânia: Como os EUA conduzem para Hegemonia e Riscos de 3ª GM."

Fonte: https://undhorizontenews2.blogspot.pt/

terça-feira, 18 de abril de 2017

Por dentro da nova base militar russa no Ártico !

A Rússia revelou imagens de uma base militar de grandes dimensões no Ártico. Com mais de 14 mil metros quadrados a infraestrutura está equipada com uma clínica, cinema, capela, biblioteca, e ginásio.

Fonte: http://www.jn.pt/mundo/galerias/interior/por-dentro-da-nova-base-militar-russa-no-artico-6227560.html

Primeiro espécime vivo de molusco gigante encontrado nas Filipinas !

A sua existência é conhecida há anos, mas foi o primeiro exemplar alguma vez encontrado vivo. Este molusco gigante é bizarro, comprido e mais parecido com um alienígena de um filme de terror.

Tem 90 cm, é preto brilhante e de aspeto tubular, e surpreendeu os cientistas quando foi encontrado ainda vivo, num lago nas Filipinas.

Há mais de 200 anos, explica o "The Guardian", que a sua existência era conhecida, através dos fósseis das estruturas tubulares onde costumam viver.

A descoberta foi explicada na publicação científica PNAS.



Fonte: http://www.jn.pt/mundo/mundo-insolito/interior/primeiro-especime-vivo-de-molusco-gigante-encontrado-nas-filipinas-6226944.html

Alegações de detonação de bomba atómica na Índia, há 12.000 anos !

Vídeos publicados na Internet por teóricos da conspiração sugerem a existência da evidência de uma explosão que teria ocorrido numa região desértica, próxima de Jodhpur, na Índia.
Alega-se que a “evidência” é baseada em “escritas” de textos antigos e numa área onde altos níveis de radiação foram supostamente encontrados.
bomba atômica
Textos hindus, datando de milhares de anos, parecem sugerir que algum tipo de armamento altamente avançado, assemelhando-se à uma bomba atômica, foi detonado na Terra, 12 mil anos atrás.
A teoria é baseada em trechos do Mahabharata e do Ramayana, épicos sânscritos que teriam sido escritos por volta do oitavo ou nono século A.C, sobre a Guerra Kurukshetra e a batalha entre Rama e o demônio Ravana, respectivamente.

O site Disclose.tv adicionou:

Poderia uma bomba atômica ter sido detonada na Terra há 12.000 anos? Alguns dos trechos do Mahabharata sugerem a ocorrência de um conflito nuclear.

O site aponta para estes supostos trechos extraídos dos textos:

Um único projétil carregado com toda o poder do Universo… Uma coluna incandescente de fumaça e chama, tão brilhante quanto 10.000 sóis, se levantou em todo o seu esplendor… era uma arma desconhecida, um raio de ferro, uma gigantesca mensagem de morte que reduziu a cinzas uma raça inteira.
Os cadáveres estavam tão queimados que ficaram irreconhecíveis. Seus cabelos e unhas haviam caído, cerâmica quebrada sem causa aparente, e os pássaros ficaram brancos.
Após poucas horas, todos os alimentos ficaram infectados. Para escapar deste fogo, os soldados se jogaram no rio.
As alegações são as de que isso teria ocorrido na margem oriental do grande deserto Thar, próxima da cidade antiga de Jodhpur, uma área “onde a radioatividade era tão grande que os moradores tinham altos índices de câncer e defeitos de nascença” na década de 1990.
Sugere-se que próximo de lá, vários esqueletos foram desenterrados numa cidade antiga, a qual parecia ter morrido junto com suas ruas.

Em alguns relatos do historiador indiano, Kisari Mohan Ganguli, ele disse:

As escritas sagradas indianas estão repletas de tais descrições, as quais soam como uma explosão atômica, tal como ocorrida em Hiroshima e Nagasaki.
A teoria alega ter evidência de uma cratera criada por explosão nuclear – a Cratera Lonar próxima de Mumbai, que não pode ser explicada.
Teóricos da conspiração alegaram que viajantes do tempo ou alienígenas poderiam ser a explicação de como a tecnologia avançada desenvolvida no Século XX estaria disponível há 12.000 anos. O site Disclose.tv disse:

Como os que estavam no poder na Índia antiga na época desenvolveram armamentos nucleares é um mistério, embora, é claro, nenhum registro existe mostrando estes níveis de tecnologia para o desenvolvimento destes tipos de armamentos.

Mas, apesar de ter sido publicado em muitos sites, a história foi acusada de ter sido ‘notícia falsa’.

O site ‘desbancador’ chamado skeptoid.com investigou as alegações e não encontrou evidências desses trechos nas versões traduzidas dos textos. Ele também disse não ter encontrado evidência fora dos fóruns de conspiração sugerindo que a área de alta radiação tenha sido descoberta no deserto.
De acordo com o site, as imagens da cidade antiga e esqueletos usados nos artigos foram na verdade tiradas das cidades antigas de Mohenjo-Daro e Harappa, que estão a 500 quilômetros do suposto local.

O site skeptoid.com disse:

Se isto foi uma guerra nuclear, então foi praticada por toda a nação.

Mohenjo-Dara e Harappa, ambas estão a aproximadamente 500 km de Jodhpur, uma ao norte e a outra ao oeste. Nenhum desses lugares estão próximos um do outro.
Infelizmente para a lenda, não há nada remotamente como esta história em qualquer publicação arqueológica.
A informação arqueológica sobre as escavações de Mohenjo-Daro, Harappa, e outros sítios do Vale Indus estão amplamente disponíveis online e impressos, e simplesmente não há tais coisas como esqueletos radioativos ou esqueletos em grandes números segurando mãos ou esparramados.
Skeptoid.com disse que a Cratera Lonar está a 750 km do suposto sítio e foi datada como tendo 52.000 anos, o que é muito antes da suposta detonação de bomba na antiguidade. O site ainda disse:
Parece que todas as partes da história foram fabricadas.

Fonte: http://ovnihoje.com/2017/04/10/bomba-atomica-na-india-12-000-anos/




De Longe diz porque a pesquisa dos OVNIS poderá salvar a humanidade !

Por muito tempo o interesse de Tom Delonge em alienígenas se manifesta de maneiras pequenas, Nos anos iniciais do Blink-182 ele lia por horas a respeito de abduções e física quântica, enquanto a banda ia de concerto para concerto através do deserto. Para o álbum multi-platina de 1999, Enema of the State, que lançou o grupo para o estrelato TRL, o cantor/guitarrista escreveu a música “Alienígenas Existem”. E nos anos seguintes, quando DeLonge fundou a empresa tecnológica, continuou tocando com o Blink e começou a banda Angels and Airwaves, ele continuou pesquisando o que ele chama de “o fenômeno”, a coleção de relatos de testemunhas que levaram gerações de pessoas a acreditarem que não estamos sós.
pesquisa dos OVNIs
Dentro da obsessão de Tom DeLonge por OVNIs, tumulto no Blink-182

“Parte de mim fica chateada?”, diz DeLonge sobre a separação com a banda. “Totalmente. Mas isto não me consome.”

Mas desde que DeLonge se separou do Blink-182 em 2015, seu interesse pelos extraterrestres se tornou mais do que um passatempo. Ele disse para a revista Rolling Stone:

Quanto mais eu me envolvo com isto, mais eu percebo que tudo era real. Então eu disse, ‘OK, o que vou fazer a respeito disso?’

Assim, ele começou a espalhar a história. Ele começou a criar um lançamento multi-parte, multi-plataforma, de uma filosofia inteiramente nova, baseado na teoria de que alienígenas têm visitado a Terra pela maior parte da existência de nossa espécie – e a única forma de termos um futuro próspero no planeta é se levarmos isto em consideração, e logo.
A nova adição ao seu projeto é o livro Sekret Machines: Gods, a primeira parte numa trilogia não-ficção que está escrevendo com o historiador do oculto, Peter Levanda. Lançado em março, o livro abre com uma cena estendida de uma tribo primitiva no Pacífico Sul, tendo seu primeiro contato com o mundo exterior durante a Segunda Guerra Mundial – uma metáfora para os encontros alienígenas da humanidade. DeLonge explica:

Estas pessoas nunca haviam visto ninguém do mundo exterior fora de sua tribo antes. Ele viram os aviões jogarem mantimentos, assim eles automaticamente presumiram que eram deuses. Eles começaram a adorar estes aviões, tentando obter remédios e alimentos. E sua religião ainda existe até estes dias.
Bem como estas comunidades foram mudadas após civilizações mais avançadas terem derrubado itens do céu, DeLonge e Levanda sugerem que assim os humanos mudaram pelas visitas vindas de cima. Levanda diz:

As religiões ao redor do mundo consistentemente dizem que seres vieram dos céus e nos ensinaram isto e nos deram aquilo. Em Deus vamos para dentro desta nuança, desde sacrifícios de sangue aztecas, até várias criações épicas que dizem que fomos criados como servos de alguma outra raça de seres.
Para este volume, eles foram até o passado e olharam aos textos originais de várias civilizações para verem quais informações poderiam obter. Levanda diz:

Algo acontece e criamos um mito ao seu redor. Estamos falando sobre eventos que estão sendo descritos pelas pessoas usando o vocabulário que tinham.
Mas, como os autores apontam, eles não estão alegando que tudo que você vê em programas como Alienígenas do Passado seja real. Levanda afirma:
Humanos são responsáveis pela construção das pirâmides, por exemplo. Acho que podemos concordar sobre isto. Mas qual foi o ímpeto por detrás disso? O que estamos dizendo é que o contato inicial é o que deu início a tudo isso. Não que houvessem alienígenas lá nos dizendo como construir pirâmides. Acho que isto desvaloriza toda a conversa, e estamos tentando ir além.
DeLonge e Levanda não são as primeiras pessoas famosas que expõem a existência de formas de vida extraterrestre. Em 2010, Stephen Hawking disse que, dado o tamanho do Univesro, seria uma probabilidade estatística de que não estamos sós. Mais recentemente, Neil deGrasse Tyson chamou de “imperdoavelmente egocêntrico” acreditar que somos o único planeta com vida. Mas DeLonge desvia do estabelecimento científico quando sugere que os seres alienígenas não somente têm visitado o nosso planeta, mas foram parte integral em nos ajudar a estabelecer a sociedade humana, tal como a conhecemos. Ele diz:

O que a aconteceria se aquelas inteligências estivessem perambulando pelo Universo e se envolvendo na genética e na colonização de outros tipos de vida? Olhe, fazemos isso para animais e tribos indígenas.
Livros subsequentes da trilogia Sekret Machines, irão se afastar dos textos antigos para focar nas alegações de interações com alienígenas, documentadas pelas agências governamentais desde a década de 1940, muitas das quais estão disponíveis através de pedidos pela Lei de Liberdade da Informação e um recente conjunto de documentos liberados pela CIA.
Ao invés de continuar num relacionamento adversário entre os pesquisadores de OVNIs e o governo, DeLonge entrou em contato com autoridades, como o diretor de campanha de Hillary Clinton, John Podesta – uma correspondência que foi revelada quando Wikileaks publicou o último lote de e-mails de Clinton outubro passado. Embora ele decline ter conversado a respeito disso, ele diz que “uma coisa que posso dizer é, quando o Wikileakes veio, pelo menos as pessoas descobriram que eu não estava mentindo.”
O plano de DeLonge é maior do que somente alguns livros. Além da série não-ficção, ele está escrevendo uma trilogia de ficção histórica com o escritor A.J. Hartley, cujo primeiro livro foi lançado na primavera passada (outono no hemisfério sul), bem como um documentário e um roteiro de filme, todos os quais discutem a teoria de que não estamos sós. Ele também está utilizando métodos que desenvolveu para sua empresa de software, Modlife, que ele criou para a ajudar os músicos ‘monetizarem‘ suas mídias na era pós-Napster…
DeLonge e sua equipe são cuidadosos ao enfatizar que suas teorias são exatamente isso… teorias. Levanda afirma:
As pessoas despenderam 70 anos tentando provar que isto é real, e se você estiver esperando que o governo faça isso, boa sorte. O que estamos dizendo é, vamos prosseguir sob a presunção de que é real. O que isso significa para a história, para a medicina, para a física, para a química, para astronomia? O que isto significa para nós como humanos se aceitarmos que o fenômeno sempre foi real?
As teorias do próprio DeLonge sobre a questão não são impecáveis, e falando sobre seu trabalho às vezes ele soa como uma dos teóricos da conspiração, dos quais ele tenta se distanciar…

Todavia, está claro que ele vê sua pesquisa como a última esperança para a geração de seus filhos:

Este projeto almeja a criação de um farol e um veículo capaz de interagir diretamente com a Geração Y ao redor do mundo. Algumas dessas coisas são fortalecedoras e algumas dessas coisas são, francamente, meio assustadoras. Mas você precisa compreender isto, e você necessitará lidar com isto quando não estivermos aqui.

Fonte: http://ovnihoje.com/2017/04/11/tom-delonge-pesquisa-dos-ovnis/


Homem que teve contato com alienígenas alega que nossa Lua é artificial e foi trazida para aqui vinda de outro sistema solar !

Alex Collier, que teria sido contatado por seres alienígenas, alega que a nossa Lua é na verdade uma nave de transporte interestelar que foi trazida aqui de um sistema solar distante. Ela contém um experimento dos alienígenas grey e seus mestres reptilianos: nossos ancestrais geneticamente projetados.
Besteira ou não, a maioria dos escritores de ficção científica acaba se provando visionária, se não até um tanto profética. O livro “Letters from Andromeda“, a criação de Job Robinson e Alex Collier, descreve uma conversação telepática com seres alienígenas originários da Galáxia Andrômeda. Um ser da antiguidade chamado Moraney, da constelação de Zenetae, transmitiu informações importantes para Collier, questionando as mentiras espalhadas em nossos livros de história.
O ser de Andrômeda expôs a forma enganadora com que os humanos estão sendo governados; as mentiras que governam nossas vidas dia-a-dia, sem o nosso consentimento ou mesmo ciência. Não estão nos contando nada sobre as reais preocupações da vida, muito menos sobre o que realmente está acontecendo em nosso sistema solar.
A maior revelação de Moraney diz respeito à real história da humanidade e a base secreta na Lua. O satélite da Terra carrega consigo um papel vital em nossa origem, porém longe de qualquer forma que fomos ensinados. A Lua foi trazida da constelação Ursa Menor – 432 anos luz da Terra – para servir como uma nave de transporte para os reptilianos, híbridos humanos-reptilianos e a primeira geração de ancestrais humanos a descer na Terra. Nossa Lua fez sua jornada até o nosso sistema solar, arrastada por um asteroide, o qual acredita-se que cruza a nossa galáxia a cada 25.000 anos terrestres.
Moraney também revelou que a nossa Lua uma vez orbitou o 17º planeta do sistema estelar Chowta, casa dos extraterrestres de Andrômeda. O que vemos hoje da Lua, é de fato os restos de uma vestígio cósmico de 6.2 bilhões de anos chamado Maldek, uma lembrança de uma guerra da antiguidade entre os tirânicos alienígenas grey e o Império de Orion.
De acordo com a informação passada para Collier pelos extraterrestres de Andrômeda, estamos aqui porque fomos trazidos por uma civilização extraterrestre antiga, a qual ultrapassa a idade do nosso Sol.
Para sustentar esta desafiadora teoria, precisamos endereçar a especulação. Rumores dizem que na superfície da Lua, as missões lunares detectaram a presença de alguns compostos químicos desconhecidos, e que a descoberta foi inteiramente ocultada. Collier tinha seus comedimentos sobre este assunto, mas a comunicação telepática de Moraney confirmou todas as suas dúvidas:
“A Lua é oca. Ela contém enormes instalações subterrâneas construídas por E.T.s e mais tarde por humanos da Terra. Há sete aberturas na crosta lunar, e bases subterrâneas. Cientistas conservadores têm se perguntado sobre o porquê de muitos cientistas as enxergarem como rasas, apesar de seus tamanhos. Os extraterrestres de Andrômeda dizem, é porque muito da superfície foi construída sobre uma concha metálica de uma crista espacial circular.”
Base alienígena lunar?
 
As crateras da Lua são uma pista sólida para o olho treinado, porque suas profundidades não combinam com as de um corpo cósmico, mas sim de um formato uniforme pressionando contra as camadas de poeira lunar e rocha. Porém, já que estamos sós nesta galáxia, quem é o responsável pelas assim chamadas crateras? A resposta vem dos extraterrestres de Andrômeda, que falam de cidades e hangares de espaçonaves localizados no lado oculto da Lua, os quais foram destruídos numa guerra há mais de 113.000 anos, deixando para trás marcas visíveis a partir do nosso planeta.
O greys guiaram a primeira missão de exploração destas ruínas na década de 1950, quando uma equipe de astronautas da NSA (não da NASA), supostamente foram para dentro de uma instalação subterrânea da Lua, do tamanho de Nova Iorque, bem abaixo da cratera Julio Verne. Dentro deste local eles encontraram os restos de uma violenta batalha, vendo pedaços de corpos reptilianos espalhados por todos os cantos.
“Quando os astronautas da missão Apolo pousaram na Lua, a Ordem Mundial já havia estado lá por algum tempo”, escreveu Collier. “Este conhecimento e a tecnologia foram ocultados dos níveis mais baixos da NASA e dos militares. A NASA tem sido usada como uma venda para os olhos das pessoas, para que não conheçam o que realmente está acontecendo por lá. Os astronautas foram silenciados sob ameaças, e permanecem assim até hoje.”
Desde então, o Governo Mundial mantém uma programa populacional lunar, começando com 36.000 pessoas escolhidas à mão. Estima-se que a colônia alcance 600.000 ocupantes num futuro próximo.
“Os líderes de toda a operação são os greys, mas eles raramente interferem diretamente. Ao invés disso, entregam suas mensagens através de um grupo chamado de Monges Negros. Originalmente humanos, os Monges Negros foram radicalmente modificados para servirem as necessidades dos greys, e não mais podem ser considerados humanos da Terra.”
A um passo abaixo na hierarquia está um grupo chamado de Blue Moon, ou Lua Azul, que serve os Monges Negros. O grupo é composto de representantes estadunidenses, britânicos, russos e franceses. Estes grupos operam e controlam as bases na Lua e sob seus comandos estão duas organizações: a Alfa Um e Alpha Dois. Collier tinha razões para acreditar que o Alfa Um ficou responsável para agregar recursos da Terra e manter a população sem saber disso.
Moraney disse ao Collier que o Alfa dois é na verdade o MJ-12, a organização que tem a tarefa de recuperar e investigar as naves alienígenas. Se isto for verdade, a organização que acredita-se estar em comando de tais projetos secretos é na verdade a parte debaixo da escada, e tal escada é muito mais alta do que previamente se acreditava.
Até hoje, as alegações de Collier ainda precisam ser provadas, mas a completa rejeição de suas implicações não seria muito inteligente.
O lado oculto da Lua está para sempre ocultado da vista, e mesmo se bases alienígenas estivessem lá localizadas, não seríamos capazes de avistá-las da Terra. Mas Alex Collier é muito inflexível sobre o que lhe teria sido revelado.
 
Fonte: http://www.extraterrestreonline.com.br/search?updated-max=2017-04-17T14:56:00-03:00&max-results=7

Curiosidades Sobre o Ditador Kim Jong-un - Ditador divulga vídeo propaganda bizarra !

Coreia do Norte, um Pais de cogumelo" O slogan um tanto quanto diferente,foi criado pelo líder norte coreano kim jong-un herdeiro da dinastia kim.
O pais que tem o regime extremamente fechado acumula decretos e ordensexcêntricas e por muitas verses violenta. O seu líder supremo com apenas 33 anosja mandou executar o seu próprio tio e proibiu os cidadãos a ter o seu próprio nome.
Essas foram apenas algumas curiosidades bizarras do pais norte-coreano.
Ditador norte-coreano divulga vídeo propaganda bizarra.

Fonte: http://ufosonline.blogspot.pt/

Jovem Bruno do Acre relata em Áudio que saía do próprio corpo !

Bruno Borges ficou conhecido em todo o Brasil, após ele sumir. Em sua casa, na cidade de Rio Branco, no Acre, a família encontrou um quarto isolado, que mais se parece com uma obra de arte. Tinham quatorze livros criptografados, além de mensagens no chão e nas paredes. No centro do cômodo, uma estátua de cem quilos de um filósofo. O jovem foi visto pela última vez próximo à sua casa. Já se passam algumas semanas e ele não é avistado. Bruno entrou em muitos cursos superiores, mas não concluiu nenhum deles. A inquietação e a busca por conhecimento sempre foram espantosas. A situação preocupou seus pais, que procuraram médicos quando ele ainda era pequeno.
Em reportagem exibida neste domingo, 16, o 'Fantástico' conversou com a família do jovem, que diz tentar contato até com extraterrestres.
A mãe de Bruno diz que, quando ele era criança tinha um amigo imaginário, de nome tomate, que era apenas uma almofada vermelha. Nunca foi identificado nenhum problema mental no rapaz, que cresceu diante de sua inquietação. Com um irmão gêmeo idêntico, ele decidiu procurar o seu médico obstetra. O homem que fez o parto de Bruno diz que conversou com ele e seu raciocínio era completamente normal. No papo, o menino do Acre disse que ouvia vozes, mas que eram espíritos. O médico, que é espírita, quis saber mais detalhes sobre o que ais tais vozes falavam. Elas, segundo o jovem, diziam que ele faria algo muito grande pela humanidade.
Em um áudio conseguido com exclusividade pelo programa da Globo, o jovem diz que conseguiu sair do próprio corpo, mas que foi rápido e bastante frustrado. Isso porque ele não conseguiu o que mais queria, que seriam fazer curas. De uma família rica, o jovem é procurado agora não apenas pela polícia brasileira, mas também pela internacional. O Brasil já acional a Interpol, que está atrás do jovem da cidade de Rio Branco. O irmão diz que acredita que ele irá voltar, mas que o que preocupa é que ele estava muito magro, já que mudou sua dieta, comendo apenas frutas e nada de origem animal.
Veja abaixo o arquivo que mostra a reportagem exibida pelo 'Fantástico'. A TV Globo dedicou incríveis sete minutos ao 'Show da vida' sobre o caso que está dando o que falar.
Para você, Bruno Borges somente quis aparecer e está atrás de fama, ou ele realmente pode ter tido contato com forças superiores?

Projeção Astral: Viagens fora do corpo
Não são poucas as pessoas que relataram a sensação de se desprender do corpo durante o sono. Há quem acredite que Cientistas como Kepler, Einstein e Jung também teriam vivido essa experiência.
Marcos de Moura e Souza
Numa madrugada há pouco mais de 20 anos, o médico urologista carioca Luiz Otávio Zahar teve a sensação de acordar no meio da academia de ginástica que costumava freqüentar. As luzes estavam apagadas e não havia ninguém usando os aparelhos de musculação nem circulando pelos corredores. O médico percorreu o espaço de um lado para o outro, sentindo-se absolutamente consciente. Mas seu passeio noturno, segundo Zahar, tinha uma peculiaridade: ele via tudo do alto, como se estivesse suspenso, flutuando.
Não foi a primeira vez que Zahar experimentou aquela sensação. Desde a adolescência, sentia-se plenamente acordado no meio de algumas noites, circulando por lugares às vezes conhecidos, às vezes não. Descobriu que alguns davam a essa curiosa experiência o nome de projeção astral, outros de experiência extracorpórea, desdobramento ou projeção da consciência. Zahar acabou por acostumar-se e aceitar alguns desses diagnósticos, mas mantinha consigo uma dúvida secreta sobre a veracidade de suas sensações e visões.
Naquela madrugada na academia, porém, Zahar resolveu pôr à prova a tese de que realmente conseguia – como tantas outras pessoas dizem conseguir – sair do corpo, manter o estado de vigília e usar os sentidos para observar coisas concretas. “Eu não deixo de ser, fora do corpo, aquele médico cartesiano que sou, que quer comprovar as coisas. Pensei: ‘tenho de fazer alguma coisa para provar a mim mesmo essa experiência’. Então vi um parafuso esquecido no alto de uma máquina de exercício. Acordei e anotei”, conta. No dia seguinte, foi até a máquina. Para ver o que havia em cima dela, precisou subir em um banco. Do chão, era impossível enxergar. “Subi e vi o parafuso lá.”
Para a ciência convencional, a idéia de que podemos sair do corpo não apenas está longe de ser provada como soa absurda. Afinal, a ciência não acredita em “espíritos”. Não aceita a idéia de uma “essência” vivendo dentro do nosso corpo – portanto, não dá nem para imaginar que seja possível um se separar do outro. Segundo o modelo científico, somos nosso corpo: nossa essência, inseparável de nós, está dentro das nossas células, em especial nas do cérebro. Está justamente no cérebro a explicação dos cientistas para esse fenômeno – e ela é bem prosaica, quase decepcionante (veja no quadro à direita).
Há quem acredite, no entanto, que o ser humano seja capaz de se desprender do corpo durante o sono, de se deslocar através de paredes, de viajar distâncias a velocidades impensáveis, de interagir com outros que estão no mesmo estado ou mesmo com quem já morreu. Tudo isso sem perder a consciência, o pensamento lógico e o comando sobre seus movimentos, tal qual fazemos durante o dia. Antonio Cesar Perri de Carvalho e Osvaldo Magro Filho, autores de um livro chamado Entre a Matéria e o Espírito (O Clarim, 1990), fizeram uma compilação de relatos sobre personalidades que teriam vivido experiências extra-sensoriais. Um deles teria sido o astrônomo alemão Johannes Kepler (1571-1630), que tentou decifrar o movimento dos planetas numa época em que os telescópios ainda estavam em uma fase inicial. “Todas as observações dos séculos anteriores estabeleciam apenas os movimentos aparentes porque tinham sido feitas de uma plataforma móvel – a própria Terra”, conta seu biógrafo, Robert Strother. “Kepler superou isso transportando-se pela imaginação para fora do sistema, olhando para baixo de um ponto no espaço.” O próprio Kepler narrou em um de seus livros, Somniun, a história de um personagem que viajava em sonhos para a Lua. A descrição da superfície lunar confere com o que, séculos depois, veio a se conhecer de fato.
Sobre o físico Albert Einstein, o criador da Teoria da Relatividade, o livro Entre a Matéria e o Espírito cita simplesmente um trecho de uma biografia do cientista no qual ele revela a um amigo que tinha concebido suas idéias revolucionárias “através de uma visão”.

Sonhos de Jung

O psiquiatra suíço Carl Jung parece ter ido mais além no terreno das experiências raras. Ele escreveu sobre fatos estranhos que teriam ocorrido em sua casa – como móveis que se partiam sozinhos sem motivo aparente. O criador da psicologia analítica escreveu também sobre sua capacidade de, às vezes, saber de fatos sobre alguém sem que ninguém os tivesse contado. Em 1944, vitimado por um enfarte, descreveu uma visão que alguns consideram uma experiência de projeção astral. “Parecia-me estar muito alto no espaço cósmico. Muito abaixo de mim, vi o globo terrestre banhado de uma maravilhosa luz azul (…) O espetáculo de ver a Terra dessa altura foi a experiência mais feérica e maravilhosa da minha vida.”
Quem diz já ter vivenciado uma experiência desse tipo enfatiza: a lembrança do que acontece é a mesma que se tem de um fato vivido durante o dia, quando se está acordado e de olhos bem abertos. E que essas lembranças nada têm a ver com as de sonhos – por mais reais que estes às vezes pareçam. “As saídas do corpo são estudadas desde a Antigüidade, especialmente no Oriente. Mas era um conhecimento vetado, do campo de cada doutrina”, diz Wagner Borges, escritor, conferencista e pesquisador do assunto. Autor de sete livros e fundador do Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas (IPPB), Borges dá em suas palestras dicas para quem quiser passar pela experiência extracorpórea de forma consciente. Uma das primeiras perguntas que costuma ouvir é: e se o espírito se desprender para sempre? Para Borges, isso é impossível, já que o corpo, enquanto houver vida, manteria uma conexão indestrutível – “um feixe de energia”, como ele descreve – com o espírito.
Borges, de 43 anos, diz já ter passado por várias experiências desse tipo. As primeiras aconteceram aos 15 anos. “Passava um sufoco. Acordava e não conseguia me mexer”, conta, falando de um “sintoma” comum num processo de projeção. “Uma vez tentei me acalmar, me soltei e vi meu corpo deitado.” Esse seria um dos efeitos da projeção: ver a si mesmo no quarto, deitado, dormindo, exatamente como se realmente está. Em outros casos, o que se vêem são cenários desconhecidos e outras pessoas “projetadas”, pessoas e até mesmo animais, diz Borges. O nível de consciência, segundo ele, varia conforme a ocasião.
O contador paulista Fernando Augusto Golfar, de 37 anos, afirma que vive projeções desde os 6 anos. Contava a seus pais episódios vivenciados por parentes já mortos com os quais falava durante as experiências e visões de lugares que lembrava ter visto dias antes de visitá-los com a família. Por via das dúvidas, a mãe o levou algumas vezes a uma benzedeira. As experiências prosseguiram. “Geralmente me vejo em locais de assistência, hospitais, áreas carentes, enterros ou ajudando usuários de drogas”, conta. Assim como Borges, Golfar afirma ter desenvolvido sua mediunidade. Para ele, isso ajuda em suas projeções astrais, mas não é um requisito fundamental.
O médico Zahar concorda. Agnóstico convicto, ele prefere outra explicação. “Acho que há níveis de consciência e de planos de realidade que ainda não conhecemos.” Curioso e interessado por relatos como os dele, o médico criou em 1999 um grupo de discussão na internet sobre o assunto. O fórum conta hoje com 924 participantes.

Noites maldormidas?
 
Para neurologista, experiências de projeção astral podem ser atribuídas a problemas relacionados ao sono
Para a medicina convencional, as projeções astrais podem ser explicadas meramente como problemas relacionados ao sono. Segundo o neurologista Rubens Reimão, chefe do Grupo de Pesquisas Avançadas de Medicina do Sono do Hospital das Clínicas, o quadro relatado pelos “projetores” pode ser associado ao que os médicos chamam de alucinação hipnagógica (que ocorre ao cair no sono) e paralisia do sono. As alucinações acontecem quando a pessoa entra abruptamente no estágio de REM (rapid eyes movement, ou movimento rápido dos olhos), que é quando acontecem os sonhos. Normalmente, chega-se a essa fase depois de uns 90 minutos de sono. Mas às vezes mergulhamos nela durante um descuidado cochilo.
“Em geral, a pessoa sonha com o lugar e o momento em que está. Se cochila numa sala de aula, é comum sonhar com alguém falando com ela na sala. E o sonho é tão real que, ao despertar, ela não sabe se aquilo aconteceu ou não”, diz Reimão. Segundo ele, qualquer pessoa pode passar por isso, principalmente se não dormiu o suficiente durante a noite. Já na paralisia do sono, a pessoa acorda, mas sente que simplesmente não pode se mexer nem abrir os olhos e parece estar vendo o próprio quarto.
 
Fonte: http://ufosonline.blogspot.pt/

Gigantesca espaço-nave foi vista pairando sobre a Coreia do Sul e gerou alegações extravagantes !

Uma gigantesca "espaçonave" foi vista pairando sobre a Coréia do Sul - provocando alegações extravagantes que Kim Jong-un teria enviado para lá em uma missão de espionagem.
Imagens do OVNI foram supostamente levadas há três dias por uma equipe que estava gravando um programa de TV no país que faz fronteira com a nação despótica.
Um esboço embaçado do objeto em forma de disco pode ser visto no fundo das fotografias tiradas do que aparentemente são atores em figurinos.
Uma das testemunhas da equipe de filmagem é citada como dizendo: "Um de nossos fotógrafos levou várias séries de tiro contínuo enquanto tirava um cartaz promocional do drama recentemente lançado.
"Estávamos realmente surpresos, bem como emocionado na hora da captura o momento impressionante que UFO estava voando na frente de nossa lente.

"Nós tentamos o nosso melhor [para descobrir o que é] porca não havia nenhum especialista na Coréia do Sul que seja capaz de investigar o UFO fotografado neste momento".

Mas as pessoas on-line já especularam que o tirano da Coréia do Norte Kim está em contato com extraterrestres.
Após um recente lançamento de mísseis, os usuários do Twitter questionaram se era realmente uma nave espacial decolando.
Uma pessoa twittou: "Kim lançou um foguete para o céu e todo mundo está dizendo que era uma espaçonave".
DISCO: O objeto não identificado parece ser parecido com um disco
Ridículo reivindicações também foram feitas no passado que os extraterrestres realmente vivem na Coréia do Norte.
Um grupo de divulgação alienígena destacou uma figura de oito pés de altura que se elevava acima das pessoas na multidão reunida para o funeral do líder Kim Jong-Il, dizendo que era um ET.
No entanto, fontes mais tarde disseram que era realmente Ri Myung Hung - um jogador de basquete e uma das pessoas mais altas na história da Coréia do Norte.
 
Fonte: http://ufosonline.blogspot.pt/

Coreia do Norte poderia ser capaz de aniquilar a rede elétrica dos Estados Unidos !

Os EUA poderiam ser mergulhados em blackout depois de avisos de que a rede elétrica do país é vulnerável a um ataque norte-coreano.
O Pentágono está se apressando para proteger a linha de força do país em meio a tensões crescentes com o regime de Kim Jong-un.
Atualmente, funcionários da defesa estão trabalhando em uma "rede de comunicação alternativa" em caso de um ataque.
E, preocupantemente, para a administração Trump, a Coréia do Norte tem a capacidade de lançar um pulso eletromagnético (EMP).
"Esse ataque poderia matar nove dos dez americanos por fome e colapso da sociedade"   Ex-diretor da CIA James Woolsey
Isso é de acordo com o ex-diretor da CIA James Woolsey.
Recentemente, ele escreveu: "Uma única ogiva entregue por um satélite norte-coreano pode bloquear a rede elétrica nacional e outras infra-estruturas críticas que sustentam a vida por mais de um ano.
"Esse ataque poderia matar nove dos dez americanos por fome e colapso da sociedade."
Woolsey pediu ao presidente Trump que modernize urgentemente as defesas do país.
Ele acrescentou: "Lançar um programa de colisão para endurecer contra EMP ataque e da rede elétrica dos EUA para preservar a civilização americana e centenas de milhões de vidas.
"Isso poderia fazer parte do projeto de modernização da infraestrutura do presidente Trump".
Mas não pára por aí.
David Grantham, colega do Centro Nacional de Análise de Políticas, com sede em Dallas, disse: "Os adversários da América reconhecem a vantagem do pulso eletromagnético e o promovem como um meio de ataque do século XXI.
"O Irã menciona mais de 20 vezes a EMP em sua doutrina militar, e as evidências sugerem que a Coréia do Norte simulou um ataque EMP em 2013."
Vem como a perspectiva de guerra com o estado secreto atinge ponto de ebulição.
O presidente dos EUA, Donald Trump, parece estar aumentando suas capacidades militares depois de testar uma bomba de gravidade nuclear e derrubar um MOAB nos túneis ISIS no Afeganistão .
Trump dirigiu suas forças em posições estratégicas para cercar a península em preparação para o que muitos acreditam ser uma greve iminente.
Mas Kim Jong-un bateu de volta, prometendo bombardear os Estados Unidos se uma bala for disparada em seu solo.
E durante a noite, o estado secreto mostrou seu poder militar ao líder supremo Kim Jong-un no festival anual do Dia do Sol .
 
Fonte: http://ufosonline.blogspot.pt/

sábado, 15 de abril de 2017

Cientistas querem clonar o Messias Jesus, extraindo o DNA do Sudário de Turim e Sudário de Oviedo !

Uma das figuras mais notáveis ​​da história religiosa é o homem santo que serviu como fundamento do cristianismo, Jesus Cristo. Jesus Cristo é referido por muitos profetas na Bíblia Sagrada como o Messias que trouxe a salvação para a humanidade na forma de um sacrifício físico e espiritual. O sacrifício por sua vez permitiria à humanidade retornar a Deus depois da partida do reino físico, mas somente se alguém conduzisse uma vida justa. Desde a morte e ressurreição de Jesus avançamos para nossa era moderna, onde os estudiosos têm tentado provar a existência do Cristo. Recentemente, cientistas e pesquisadores estão com o objetivo de clonar o Messias de volta à Terra com tecnologia de ponta do DNA. Para fazer isso eles vão estudar cuidadosamente uma possível extração do DNA de certas relíquias sagradas. Essas relíquias são o "Sudário de Turim", o "Sudário de Oviedo" e recém-descobertos ossos de João Batista, que era ao mesmo tempo um discípulo de Jesus e seu primo .
Fonte: http://ufosonline.blogspot.pt/

Cientistas afirmam ter encontrado 234 civilizações extraterrestres !

Dois astrônomos da Universidade Laval, em Quebec, afirmam ter descoberto 234 civilizações alienígenas.
Ermanno Borra e sua estudante de graduação Eric Trottier analisaram mais de 2,5 milhões de estrelas e galáxias para encontrar pulsos de luz emitidos em intervalos regulares e descobriram 234 estrelas semelhantes com o tamanho do nosso sol.
A equipe acredita que civilizações alienígenas estão por trás desses sinais.
Os investigadores analisaram a Fourier Transform (FT) do espectro de luz. O FT é uma ferramenta matemática que permite trabalhar com os componentes de um sinal. Ex: Se a luz é um milkshake, usando o FT, os cientistas podem obter a receita.
A análise FT encontrou componentes periódicos modulados que, de acordo com os cientistas, são causadas pelos pulsos de luz super-rápidas (menos de um trilionésimo de segundo) gerados por Inteligência Extraterrestre (ETI).
No documento, disponível na Astronomical Society of the Pacific, eles descartam qualquer outra explicação como efeitos instrumentais, a rotação das moléculas, pulsações estelares rápidas e química.

“Nós achamos que os sinais detectados têm exatamente a forma de um sinal de ETI previsto e são, portanto, de acordo com esta hipótese,” escreveram os pesquisadores no artigo.

“O fato de que eles só são encontrados em uma fração muito pequena de estrelas, dentro de uma faixa espectral estreita centrada, também está de acordo com a hipótese de ETI.”
Esses pulsos seriam gerados por lasers incrivelmente poderosos, como a do Laboratório Nacional Lawrence Livermore.
No entanto, a questão agora envolve o por quê esses alienígenas teriam decidido por se comunicar de uma forma tão complicada e com um consumo de energia tão alto.
Os pesquisadores admitem que, embora eles acreditam que extraterrestres sejam a explicação mais provável, isto ainda está para ser confirmado.

Fonte: http://www.extraterrestreonline.com.br/search?updated-max=2017-04-09T23:35:00-03:00&max-results=7&start=7&by-date=false

E porque se diz que enviar mensagens a extraterrestres é uma boa ideia !

Nós estamos sozinhos no universo? Os seres humanos têm feito essa pergunta há séculos, mas só nas últimas décadas conseguimos as habilidades necessárias para tentar achar a resposta.
Com o SETI – Busca por Inteligência Extra Terrestre – usamos radiotelescópios para procurar sinais de outras civilizações. Este é um sistema relativamente passivo, onde sentamos e procuramos os sinais que podem estar lá fora. Até agora, a procura não deu resultados.
Por outro lado, o “Active SETI”, que está sendo chamado de Messaging Extra Terrestrial Inteligence, ou METI, é um sistema ativo que envia mensagem para um lugar específico, como um “olá” para permitir que possíveis astrônomos extraterrestres saibam que estamos aqui.
O conceito do METI é um pouco controverso. Alguns cientistas afirmaram que a estratégia poderia ser perigosa, como Stephen Hawking, que disse que alertar alienígenas sobre a nossa existência poderia nos trazer problemas. Hawking sugere que alienígenas avançados poderiam nos ver como irritantes bactérias, ou eles pisarem na Terra poderia ser semelhante a quando Cristóvão Colombo  chegou na América, o que não foi muito bom para os nativos.
No entanto, “as alegações sobre os perigos do METI são exageradas”, diz Douglas Vakoch, presidente do METI. “Quando converso com outros cientistas sobre o potencial risco do METI, eles concordam que a percepção pública é exagerada.”
Vakoch diz que quando Hawking assume de alguma forma a possibilidade de extraterrestres serem avançados a ponto de viajar entre as estrelas, ele ignora que eles também teriam a capacidade de captar nossos sinais de TV e rádio, o que faz com que a ideia do cosmólogo não faça sentido.
Nós já tivemos quase 100 anos de transmissões de rádio e TV emanando do nosso planeta como radiação eletromagnética.Agora que esses sinais já viajaram quase 100 anos luz, a evidência de nossa existência está bem longe. Com nosso crescente banco de dados sobre exoplanetas conhecidos, já sabemos que existem milhares de planetas em um raio de 100 anos luz, e é bem provável que alguns sejam parecidos com a Terra em alguns aspectos.
“Qualquer civilização que tenha a capacidade de ouvir a nossa mensagem provavelmente já ouviu nossos ‘ruídos’ e sabem que estamos aqui”, disse Vakoch.
Desde meados da década de 1970, houveram pelo menos duas dúzias de mensagens enviadas intencionalmente para o espaço. Todas elas foram enviadas a um alvo específico, mas Vakoch acredita que essa abordagem deve ser modificada.
“No SETI, quando recebemos um sinal apenas uma vez, não o encaramos como convincente”, disse ele. Se outras civilizações têm o mesmo axioma de que a ciência precisa ser replicável e verificável, “nós deveríamos estar transmitindo continuamente para que o sinal seja levado a sério.”
Além disso, os proponentes do METI afirmam que as mensagens devem ser direcionadas às estrelas de nossa própria vizinhança. Por que? Por exemplo, em 1974, uma breve mensagem foi enviada para o conjunto de estrelas M13, a cerca de 25 mil anos luz de distância.
“Ao invés de enviar mensagens que demorariam 50 mil anos para termos uma resposta”, explicou Vakoch, “devemos enviar mensagens à estrelas mais próximas, de modo que a resposta chegue em uma ou duas décadas, caso alguma seja enviada. Estar vivo quando sua resposta chega possibilita que a hipótese seja testada com maior facilidade.”
 
Fonte: http://www.extraterrestreonline.com.br/

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...